Você imagina a pegada de carbono e de água da comida que está no seu prato? Ou da roupa que te veste? Veja os números e saiba como tomar decisões mais sustentáveis

Alimentos, roupa e transporte são objetos e serviços de primeira necessidade. Contudo, mesmo os produtos mais triviais podem ter alto impacto ambiental. Para produzir um quilo de carne bovina, por exemplo, o planeta emite pouco mais de 27 quilos de CO²e (unidade de medida para emissão de dióxido de carbono e gases equivalentes na produção de efeito estufa) para a atmosfera. Até a própria água potável tem pegada hídrica: para cada litro de H2O que bebemos, se perde cerca de 400 ml do líquido. A seguir, veja o impacto hídrico e de emissão de carbono de coisas que fazer parte do nosso dia a dia e conheça alternativas para reduzir sua pegada ecológica.

Infográfico: impacto ambiental

 

Conteúdo publicado em 14 de agosto de 2019

O que a Braskem está fazendo sobre isso?

O uso do plástico para o desenvolvimento sustentável é um objetivo da Braskem. Por meio de seu programa de aceleração de startups, o Braskem Labs, a empresa fomenta alternativas tecnológicas, inovadoras e sustentáveis do uso do material, inclusive para sua aplicação na indústria da alimentação. A edição 2018 do Braskem Labs apoia as startups Intelligent Foods (que desenvolve um processo de conservação de alimentos que aumenta o prazo de validade sem uso de conservantes ou aditivos químicos, mantendo as características originais dos alimentos dispensando o uso de refrigeração) e Nanometallis (que desenvolve PVC tecnológico com nanopartículas funcionalizadas com ação bactericida e fungicida, que aumentam o tempo de prateleira dos alimentos industrializados, processados e in natura, diminuem o desperdício de alimentos e contribuem para a segurança alimentar e saúde pública).

Veja Também

O impacto da indústria criativa na economia
Como funciona a Avaliação de Ciclo de Vida (ACV)
Voltar